Mercado freelancer cresce 32% na pandemia.

Desde o início do isolamento social no país, em razão da pandemia do novo coronavírus, cresceu em 32% o número de freelancer brasileiros cadastrados na plataforma de trabalho Workana. O recorde de registros foi em março, quando 100 mil novos trabalhadores se inscreveram no site, contra uma média de 70 mil novos cadastros ao mês antes da pandemia. Segundo a empresa, porém, não é preciso se desesperar com uma suposta alta de concorrência. O volume de projetos abertos pelas empresas cresceu na mesma medida.

Read More